WebRádio Trindade Santa: Novembro 2008

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Chorar: Ato fisiológico inerente ao Ser Humano



O ser humano é marcado por muitos fenômenos fisiológicos. Dentre eles lembramos de alguns básicos como respiração, circulação,reprodução,digestão. Sem estes processos não existiria vida.

Mais profundamente podemos dizer que a fisiologia (do grego physis = natureza e logos = palavra ou estudo) é o ramo da biologia que estuda as múltiplas funções mecânicas, físicas e bioquímicas nos seres vivos. De uma forma mais sintética, a fisiologia estuda o funcionamento do organismo.

O choro, pranto (choro em excesso) ou ato de chorar ou lacrimejar é um efeito fisiológico dos seres humanos que consiste na produção em grande quantidade de lágrimas dos olhos, geralmente quando estão em estado emocional alterado como em casos de medo, tristeza, depressão, alegria exagerada, raiva, aflição, etc.

E ai chorar é bom? Faz bem a saúde?

Claro, tudo que é fisiológico faz bem! Pois é uma resposta do organismo a uma situação qualquer de nosso dia-a-dia.

Segundo uma pesquisa realizada por cientistas, quando choramos liberamos substâncias químicas que provocam a sensação de alívio quase imediato. Esse efeito é ocasionado exclusivamente por cutucadas emocionais.

As lágrimas de causas emotivas fazem com que elementos acumulados na hora do estresse sejam removidos. Atraído pelos sentimentos, o cérebro produz certos neurotransmissores. Tais compostos passam de um neurônio para outro avisando que as glândulas lacrimais precisam ser contraídas. Então o choro começa.

Quando cai a primeira gotícula de lagrima, a leucinaencefalina (um mensageiro produzido pelo encéfalo) entra em ação. Esse mensageiro tem a função exclusiva de nos anestesiar se sentimos fortes dores e também de nos deixar, de certa forma, entorpecidos. Outra substância que faz parte desse processo é a prolactina (hormônio produzido na glândula pituitária, quando aumenta a tensão).

Quando as taxas de prolactina estão muito altas no organismo, as emoções ficam à flor da pele. Por isso, chorar funciona como um remédio contra o estresse. É interessante ressaltar que chorar faz bem, porém o choro sem motivo e a toda hora faz mal, pode ser sintoma de depressão.

O choro dura em média 2 minutos, mas pode acontecer o chamado pranto compulsivo, onde a pessoa chora cerca de 15 minutos. Normalmente 73% dos homens e 85% das mulheres sentem-se bem depois de chorar.

Portanto, homens não tenham receios de chorar! Porque faz bem a saúde! Claro, sem dar vexames. Não tenham vergonha de serem emotivos, afinal não somos menos homens por mostrar nossos sentimentos! Deus nos deu o choro, está na fisiologia humana, tão natural como à respiração!

Testemunho aos amigos que ao escutar uma música ungida por Deus meu coração se alegra e não consigo conter as lágrimas! Lágrimas que curam e que me ajudam a caminhar em DEUS! Obrigado Deus pelas lágrimas! Sejam de alegria ou de tristeza, certamente cada lágrima vem para lavar nossas magoas, ressentimentos, desesperos, saudades, dores e tantos outros sentimentos nos tornando seres humanos mais sensíveis as coisas do Alto!

Aguardo o seu comentário a respeito deste tema.

Deus nos abençoe!

Klaus Korting

WR TRINDADE SANTA - ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS

Cura das nossas Carências


Todos nós precisamos ser amados e consequentemente amar. Buscamos ser acolhidos pelas pessoas, sermos abraçados, beijados, elogiados. E isso faz bem para todos, nos cura e liberta. Mas quando isso não acontece, surge a chamada carência afetiva, que é o vazio de amor que permanece no coração humano, pelo fato de não ter recebido amor, amor suficiente na gestação, na infância ou adolescência. As carências afetivas manifestam-se através de muitas maneiras no comportamento como: a busca de prazeres sensíveis pessoas, objetos, de estar no centro das atenções, inventar modas, criar situações, revoltar-se, críticas, “grevezinhas” e até na maneira como estar comendo (compensação).


Tudo começa já no seio da família, quando uma pessoa não recebe bastante amor de seus pais e irmãos. Ela torna-se egoísta sob forma de fechamento em si mesma, vive descontente, critica seus pais e briga todo tempo. E entra na fase escolar onde busca mendigar ou comprar o amor de professores e colegas, sempre quer ser o centro das atenções. Tudo isso acaba desembocando no namoro no qual se busca o outro não para amar, mas para ser amado. É no namoro que vai tentar suprir o amor que não recebeu dos pais, transferindo-o para o (a) namorado(a). Assim, nasce os ciúmes, as brigas, as cobranças e lança-se no outro onde se manifestam os abraços, beijos, carícias, contatos físicos e até relação sexual, para tentar suprir a falta de amor.


E isso também acontece com as pessoas que estão à frente de grupos ou comunidades na Igreja; vivem um egoísmo, em rodinhas de amizades pessoais, tornam-se ciumentas e invejosas por causa de seus cargos. Não aceitam serem substituídas por ninguém e criticam os outros o tempo todo. Querem ser os melhores.

Algumas dicas para sermos curados de nossas carências:

1- Reconhecermos que somos carentes e que precisamos de cura;

2- Enfrentarmos essa realidade de frente, nunca fugirmos;

3- O amor puro das pessoas: amigos, pais, namorados(as);

4- Buscarmos a cura interior com pessoas de nossos grupos ou comunidades;

5- Amar a sua história de salvação e rezar pela sua própria cura se possível diante de Jesus Sacramentado;

6- Perdoar as pessoas que te magoaram ou feriram e que não te deram amor;

7- Ter uma vida de oração, adoração e comunhão.


Tudo isso, vai ser concretizado pelo BATISMO NO ESPÍRITO SANTO, onde Deus vai te curar profundamente com seu amor de Pai.

Seminarista Reinaldo da Silva
Comunidade Canção Nova

terça-feira, 25 de novembro de 2008

Perscrutando a Palavra de Deus


A Palavra de Deus e uma fonte inesgotável de sabedoria e orientação para a nossa vida diária. Está sabedoria está de certa forma plausível também nos Evangelhos. Por isso, estamos como que semanalmente trazendo uma mensagem do Evangelho do dia para que os ouvintes da web rádio Trindade Santa estejam sintonizados na Palavra de Deus e assim possam caminhar com as bênçãos de Deus. O Evangelho é o tesouro mais precioso que a Igreja Cristã guardou em toda a sua caminhada, a Igreja Católica desde suas origens nunca deixou de refletir diariamente o Evangelho e também nunca deixou de celebrar a Eucaristia. Por isso, é uma graça estar convosco refletindo o Evangelho semanalmente na web rádio Trindade Santa.


Que tenhamos tempo para as coisas de Deus, a Bíblia é a Carta de Deus para nós, vamos nos acostumando com esta carta para orientar nossa vida, só ela pode nos garantir os valores que o mundo tanto despreza, só ela nos conduz a autenticidade e denúncia as orgias do consumo, principalmente neste tempo em que nos preparemos para o natal do Senhor. Será que o nascimento de Jesus pobrezinho não foi um testemunho que o principal no natal não é presentes, mas o aniversariante? Deus assumiu a natureza humana e apresentou aos homens a única proposta de vida capaz de proporcionar a todos a felicidade e a paz tão desejadas, que estejamos sempre abertos a Boa Notícia e neste tempo favorável voltemos nosso coração para o menino Deus.


A todos os amigos e amigas que aqui compartilham conosco. Paz e Bem! Com a estima de sempre Frei Leonei de Souza

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Perdão: a Pedra no sapato da humanidade?

Pois é, tomara que você não concorde com este título. Mas de fato, o perdão é um dos grandes entraves deste mundo, desde o início dos tempos. Talvez você saiba o significado da palavra perdão, fui pesquisar sobre o tema e achei interessante algumas palavras a respeito e estarei partilhando neste artigo.

O perdão é um processo mental ou espiritual de cessar o sentimento de ressentimento ou raiva contra outra pessoa, decorrente de uma ofensa percebida, diferença ou erro, ou cessar a exigência de castigo ou restituição.

O perdão pode ser considerado simplesmente em termos dos sentimentos da pessoa que perdoa, ou em termos do relacionamento entre o que perdoa e a pessoa perdoada. É normalmente concedido sem qualquer expectativa de compensação, e pode ocorrer sem que o perdoado tome conhecimento (por exemplo, uma pessoa pode perdoar outra pessoa que está morta ou que não se vê a muito tempo). Em outros casos, o perdão pode vir através da oferta de alguma forma de desculpa ou restituição, ou mesmo um justo pedido de perdão, dirigido ao ofendido, por acreditar que ele é capaz de perdoar.

Perdoar é o esquecer completamente e absolutamente as ofensas, vem do coração sincero, generoso e não fere o amor próprio do ofensor. Não impõe condições humilhantes tampouco é motivado por orgulho ou ostentação. O verdadeiro perdão se reconhece pelos atos e não pelas palavras.
Você que já experimentou o poder do perdão, sabe do que estou falando. Os benefícios do perdão são inúmeros! Vou elencar alguns e você pode analisar comigo pra ver se estou certo.

1- Sensação de LIBERDADE pois estamos deixando um peso para trás, literalmente abandonando um fardo que nos fere, um saco de entulhos que não tem nenhuma serventia que nos acompanhava diariamente.
2- ALEGRIA INTERIOR pois Deus vai curando nossas mágoas e vai transformando nosso coração. Alegria gera saúde do corpo e da alma!
3- ECONOMIA e SAÚDE porque ao perdoar teremos menos dores na região dos ombros, menos enxaquecas e outros problemas psicossomáticos, com isso reduziremos o consumo de drogas medicamentosas que alteram o funcionamento do organismo. Descobriu-se que ao perdoar uma pessoa apresenta alteração em seu sistema imunológico. Seu organismo comporta-se de maneira mais harmônica e há considerável melhora em seu funcionamento.
4- PAZ, o perdão gera uma indescritível paz interior, gerando frutos de crescimento espiritual em nossa vida.

Mas quem disse que é fácil? Os frutos são verdadeiros mas a dificuldade do perdão existe. Por isso comentei já no título, uma pedra no sapato que precisa ser retirada. Claro, guardando as devidas proporções, mas não é impossível eliminar esta pedrinha que nos fere, encomoda e funciona como uma faca cortando os dedos esmagados junto ao sapato.

Concluo lembrando de um exemplo: O saudoso Papa João Paulo II, quando foi pessoalmente a prisão, perdoar o criminoso que, por milagre, não lhe ceifou a vida, em plena Praça de São Pedro, em Roma, deu ao mundo uma inesquecível lição de amor, de misericórdia. Será que o Papa foi covarde? Não! O Santo Padre, apenas imitou o gesto de Jesus que, agonizando numa cruz, perdoou os seus matadores. E muitos de nós que, muitas vezes, não levamos nem mesmo um beliscão - quanto mais uma bala - não gostamos de perdoar. Antipatizamos o nosso semelhante apenas pelas aparências. Não sabemos o que está escondido em seu coração.
Reflita sobre este tema! Não existe felicidade, quando o nosso corpo está contaminado pelo sentimento de vingança!
Abraço fraterno do amigo
Klaus Korting

domingo, 23 de novembro de 2008

Os dez mandamentos do Casal

1. Nunca irritar-se ao mesmo tempo.

2. Nunca gritar um com o outro.

3. Se alguém deve ganhar na discussão, deixar que seja o outro.

4. Se for inevitável chamar a atenção, fazê-lo com amor.

5. Nunca jogar no rosto do outro os erros do passado.

6. A displicência com qualquer pessoa é tolerável, menos com o cônjuge.

7. Nunca ir dormir sem ter chegado a um acordo.

8. Pelo menos uma vez ao dia, dizer ao outro uma palavra carinhosa.

9. Cometendo um erro, saber admiti-lo e pedir desculpas.

10. Quando um não quer, dois não brigam.

Um abraço fraterno
Equipe Trindade Santa

Superação: Vivência diária do Cristão

Aos amigos da WR TRINDADE SANTA queremos partilhar sobre outro tema relacionado a vida cristã talvez ainda pouco explorado mas muito verdadeiro e atual a SUPERAÇÃO.Superação tem vários significados. Vamos buscar alguns para enfatizar o assunto. Superar: Passar por cima; passar além; ser ou ficar superior; sobrelevar-se: superar a expectativa. Vencer, subjugar, dominar, dobrar: superar a resistência do adversário. Fazer desaparecer, remover, resolver, superar todas as dificuldades.Pois esta palavra deve ser refletida diariamente por nós Cristãos.

O PHN (Por hoje não vou mais pecar) é um grande exemplo de SUPERAÇÃO, onde dizemos NÃO ao pecado e SIM a VIDA EM DEUS. Dizer NÃO ao pecado é estirpar a bebida do alcolatra, é o abandono integral da droga pelo dependente químico. A vida comunitária também é desafio aos católicos e precisamos passar por cima dos nossos orgulhos, de nossas vaidades e muitas vezes ceder, perdoar e amar. Ter paciência, ter amabilidade, compaixão como ensina a palavra de Deus quando fala do conceito de Caridade. Superar a resistência do adversário: Aqui temos vários sentidos que podemos destacar; o adversário pode ser as tentações do dia-a-dia a serem vencidas como evitar desentendimentos em família, no trabalho; contornar obstáculos; fazer o bem as pessoas sem olhar a quem, até mesmo aquelas que nos prejudicam, culminando com o ensinamento de Jesus que nos pede para amar os nossos inimigos.

A vida de Jesus é um exemplo de SUPERAÇÃO para todos nós. O fato dele entregar sua VIDA para nos salvar, eis nosso grande modelo de Superar dificuldades, quando suou sangue no caminho do Calvário, quando recebeu a coroa de espinhos, ao carregar a pesada cruz, ao ser açoitado, humilhado e ser cruscificado sem qualquer culpa, sofrendo como nenhum outro ser humano sofreu.

Concluindo vou buscar uma frase popular muito usada pelo nosso querido paroco de Rio do Sul Padre Amarildo Bertoldi que sempre diz: "Filho de peixe, peixinho é", referindo-se a humanidade em relação ao grande Pai Celeste. Sejamos parecidos com Nosso Salvador e invoquemos sempre a Sua proteção para que consigamos superar as provações em nossa vida.Deixo o espaço para você comentar sobre Superação!

Se você tem uma experiência em sua vida mande pra gente no comentário do blog! Ficarei muito feliz com tua contribuição! Deus abençoe a todos!Klaus KortingWR TRINDADE SANTA - www.riograndecatolico.com.br/radio

Postagens Relacionadas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...